Bem-vindo!
 
Publicidade
Publicidade
11/06/15 - 09h30
por Antônio Tinôco

Divulgação.

Segundo informações do jornal The Telegraph, o veterano Christopher Lee morreu no último domingo (07/06), aos 93 anos de idade, após passar semanas em um hospital da Inglaterra tratando de problemas respiratórios e insuficiência cardíaca. Sua esposa Gitte Kroencke, com quem estava casado há mais de 50 anos, decidiu fazer o anúncio oficial só depois de ter dado a triste notícia para parentes próximos.

Creditado em 281 produções, o britânico Sir Christopher Frank Carandini Lee começou sua carreira no cinema com Escravo do Passado (1948), drama do diretor Terence Young (O Satânico Dr. No). Nas décadas seguintes, trabalhou em filmes de terror clássicos da produtora Hammer (dividindo a tela com o ator Peter Cushing em vários títulos), como A Maldição de Frankenstein (1957), O Cão dos Baskervilles (1959), A Múmia (1959), O Monstro de Duas Caras (1960) e, claro, O Vampiro da Noite (1958), longa que o tornou conhecido por sua interpretação como Conde Drácula - papel que ele repetiu em várias outras produções como Drácula, o Príncipe das Trevas (1966), Drácula, o Perfil do Diabo (1968), Drácula no Mundo da Minissaia (1972) e Os ritos Satânicos de Drácula (1973).

Outros destaques dessa época são A Górgona (1964), Rasputin: O Monge Louco (1966), As Bodas de Satã (1968), O Homem de Palha (1973), 007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro (1974), em que ele vive o vilão Scaramanga, e A Face de Fu Manchu (1965), filme que tem Lee no papel principal e que foi seguido por As 13 Noivas de Fu Manchu (1966) e A Filha Diabólica de Fu Manchu (1967).

O ator também foi dirigido por cineastas importantes como Billy Wilder, em A Vida Íntima de Sherlock Holmes (1970), Steven Spielberg, em 1941 - Uma Guerra Muito Louca (1979), Joe Dante, em Gremlins 2: A Nova Geração (1990), Alejandro Jodorowsky, em O Ladrão do Arco-Íris (1990), e Tim Burton, em A Lenda do Cavaleiro Sem Cabeça (1999), A Fantástica Fábrica de Chocolate (2005), A Noiva Cadáver (2005), Alice no País das Maravilhas (2010) e Sombras da Noite (2012).

Em 2001, Lee conquistou uma nova geração de fãs ao interpretar outro personagem de sucesso: o vilão Saruman da trilogia O Senhor dos Anéis, realizada pelo diretor Peter Jackson, que também o convidou para participar de O Hobbit: Uma Jornada Inesperada (2012) e O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos (2014). Curiosamente, o ator é o único da franquia que chegou a conhecer J. R. R. Tolkien (1892 - 1973), autor dos livros que inspiraram os longas.

Depois, outro vilão memorável: Conde Dookan, de Star Wars: Episódio II - Ataque dos Clones (2002) e Star Wars: Episódio III - A Vingança dos Sith (2005). Seus últimos papéis de destaque foram em A Bússola de Ouro (2007), Caça às Bruxas (2011), A Invenção de Hugo Cabret (2011) e Trem Noturno para Lisboa (2013). Lee foi protagonista do inédito Angels in Notting Hill (2014), de Michael Pakleppa, e estava contratado para estrelar The 11th (2016), com Uma Thurman.

Divulgação.

Divulgação.

Divulgação.

Divulgação.

Coment�rios

comments powered by Disqus
Publicidade

Redes Sociais

Últimas Atualizações

Variedades

    Publicidade

    Agora!